Pedágio na Europa: quanto custa?3 min read

Alemanha, Bélgica, Holanda, França, Espanha, Portugal e Itália. Confira quais desses países têm pedágio e seus valores atualizados (2017).

As estradas na Europa têm dois tipos de cobrança:
Pedágio: basicamente igual ao Brasil, você pode ter um “Sem Parar” ou pagar no momento;
– Vinheta: tipo um adesivo que precisa ser colado no para-brisas do veículo. Ela pode ser comprada com antecedência (em quiosques, correios…) ou também logo que entra na fronteira do país (em postos de gasolina, por exemplo). É necessário ter vinheta nos seguintes países: Áustria, Bulgária, Eslováquia, Eslovênia, Hungria, Moldávia, República Tcheca, Romênia e Suíça. O valor da vinheta varia por período de tempo e caso você for pego sem, ou com ela vencida, se prepare! A multa é BEM alta.

Há, também,  países que não tem pedágio! Alemanha, Bélgica, Holanda fazem parte dos países que estão isentos de portagem (há rumores de que a Alemanha vai começar a cobrar).

Na França, Espanha e Itália a maioria dos pedágios funciona assim: quando você ‘entrar’ na estrada, irá passar por um “pedágio”, mas ali você não paga nada, apenas recolhe um ticket. Quando você ‘sair’ da estrada, você vai passar por outro pedágio, inserir esse ticket, e a máquina vai calcular o valor que você percorreu até ali e assim, finalmente, você irá pagar (caro, geralmente, rs).

Em Portugal, os pedágios são iguais aos do Brasil, exceto por alguns que tem pagamento automático. Nós entramos pela cidade de Chaves e ali existe um pedágio exclusivo para turistas. Com uma câmera, cadastra-se automaticamente a placa do seu carro e na máquina você cadastra seu cartão de crédito. Assim, todos os pedágios automáticos que você passar (como o da foto abaixo), irão para o seu cartão.

 

Agora, vamos para o valor dos pedágios (valores dos trechos que passei):

FRANÇA
Bruxelas – Paris (explicando como funciona o método do pedágio por ticket, neste pedágio contou a entrada em Hordain e a saída em Senlis): € 13,90
Paris – Étretat – Mont Saint Michel: 24,00
Mont Saint Michel – La Rochelle: 7,70
La Rochelle – Biarritz: 27,10
Biarritz – San Sebástian: 1,20

ESPANHA
Biarritz – San Sebástian: € 2,43
San Sebástian – Segovia: € 24,8
Segovia – Madrid: € 6,75
Madrid – Salamanca: € 9,25

PORTUGAL
Salamanca – Porto: € 4,35
Porto – Aveiro – Coimbra: € 6,90
Coimbra – Peniche: € 9,65
Peniche – Lisboa: € 4,85
Lisboa – Albufeira: € 10,55
Albufeira – Algar de Benagil – Albufeira: € 4,70
Albufeira – Sevilla: € 5,20

ESPANHA
Sevilla – Granada: € 12,85
Granada – Cartagena: € 13,9
Cartagena – Valencia: € 4,20
Valencia – Fuente del Algar – Valencia: € 15,95
Valencia – Barcelona: € 34,25
Valencia – Barcelona: € 34,25
Barcelona – Orange: € 13,95

FRANÇA
Barcelona – Orange: € 25,70
Orange – Avignon – Orange: € 3,60
Orange – Marselha: € 2,80
Marselha – Cannes – Nice: € 15,20
Nice – Milão: € 2,40

ITÁLIA
Nice – Milão: € 28,40
Milão – Veneza: € 19,50
Veneza – Nuremberg: € 37,00

Se você precisar calcular outras rotas, tem um site francês chamado Mappy que calcula o valor de pedágio, gasolina, etc. Às vezes o valor não é o exato, mas dá para tirar uma média boa.